Ultima carta

Publicado: julho 8, 2011 por slyfer052 em Contos
Tags:, ,

                Explosões eram ouvidas.

                “Hoje me desfaço dos meus sonhos, não por ter perdido a vontade de alcançá-los, mas sim, por perceber que depois de hoje, eles não serão mais alcançáveis. Não é que seja um pessimista, mas há momentos que devemos perceber o que ainda é possível, e o que não é. Também, me despeço de todos meus parentes, e amigos, mas quero que eles saibam que apesar de minha vida não ter durado muito, eles foram importantes no decorrer dela.”- Não conseguia me conter, e confesso, chorei – “Quero também lembrar, que luto hoje por essas mesmas pessoas que um dia, me fizeram alguém feliz…”

                – Vamos… – Disse o soldado a frente – Está na hora…

                “Sei que não voltarei, mas deixo o meu sincero adeus diante de todos vocês”

                – Vamos – concordei enquanto enxugava as lagrimas.

                Levantei-me, peguei a arma que há tão pouco tempo a tinha visto pela primeira vez. E com um coração desesperado e sem esperança, caminhei em direção a morte.

comentários
  1. Gabi disse:

    Muito bom.

  2. Nicky disse:

    muito bom Morays, mt mesmo, você escreve super bem e como eu ja havia dito antes, gostei tanto que queria que eu tivesse escrito hahaha, ta dms ;)

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s